Caminho da Luz – MG

Esta rota de 200 km passa por Minas Gerais quase na fronteira com Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Ela começa na cidade de Tombos e termina em Alto Caparaó.

As vias são, em sua maioria, de estrada de terra, e cortam distritos pequenos e muita natureza.

O trajeto todo pode ser percorrido em 4 dias com folga.

De Alto Caparaó, é possível subir até o Pico da Bandeira.

Circuito das Cascatas e Montanhas – RS

Situado numa região privilegiada tanto por suas belezas naturais quanto por sua localização, o Circuito das Cascatas e Montanhas proporciona uma experiência ímpar para o cicloturista.

Em seus 123 km de extensão, o viajante vivenciará experiências de contato com a natureza, seja através das diversas cascatas espalhadas ao longo do percurso, ou pelo ambiente predominantemente colonial, onde cultura histórica e gastronomia típica fazem de cada parada uma lembrança para se levar na memória.

Englobando os municípios de Rolante, Riozinho e São Francisco de Paula, o roteiro permite ao cicloturista uma exploração completa e tranquila de todas as atrações dessas localidades, podendo ser percorrido de dois a cinco dias, sempre com passagens pela área central das cidades, para conveniência, mas sem deixar de lado o atrativo principal: a conexão com a natureza através do esporte.

Para mais informações você pode acessar o site: http://cascatasemontanhas.com.br/

Chapada Diamantina – Bahia

Não faltam opções de lugares no Brasil para quem quer viajar sobre duas rodas.

Uma rota muito conhecida e amada pelos ciclistas é a Chapada Diamantina na Bahia.

De bicicleta, dá para conhecer os principais atrativos do Parque Nacional da Chapada Diamantina.

A região é rica em cachoeiras, grutas, cavernas e vales. O ponto de partida é a cidade baiana de Lençóis. A partir daí, são cerca de 273 km de trilhas, que podem ser percorridas de bike.

Pelo caminho, há opções de pousadas e hotéis para pernoite e os restaurantes oferecem uma saborosa comida caseira.

Santiago Compostela – Espanha

Esse é um roteiro que com certeza está na lista de lugares para pedalar de muitos ciclistas.

Para fazer pedaladas neste local requer muito estudo a respeito.

É importante que você procure pontos de vista distintos, busque informações do local, enfim procure meios que façam você ter um conhecimento maior das rotas de Santiago da Compostela para que você possa aproveitar da melhor forma possível os percursos que esse belo lugar tem a oferecer.

Praias da Bahia – BA

As praias baianas correspondem a um dos roteiros mais belos de ciclo para se andar de bicicleta no Brasil, pois reúne tudo que é preciso em uma viagem de Bike.

São ótimas hospedagens, gastronomia impecável, ótima hospitalidade, uma paisagem de tirar o fôlego e um mar deslumbrante que acompanha o ciclista em suas pedaladas oferecendo uma brisa simplesmente perfeita.

Uma pedalada que revigora o ciclista em todos os sentidos e ao mesmo tempo oferece um ambiente tranquilo e acolhedor.

Com certeza é um dos melhores lugares para pedalar e relaxar.

Circuito Costa Verde e Mar – SC

Voltamos com a nossa série sobre lugares para fazer um pedal incrível! A dica de hoje é em Santa Catarina, no Circuito Costa Serra Mar.

Esse trajeto de 270km leva o ciclista a conhecer de bicicleta algumas das mais belas praias catarinenses, passando ainda por vales e montanhas. Ao todo, são percorridos 11 municípios, sendo o início e fim em Balneário Camboriú. Este é um dos melhores trajetos para quem está se aventurando sob duas rodas, pois não há tantas subidas e as vias estão conservadas e sinalizadas. Além disso, a distância entre cada cidadezinha não é tão longa, possibilitando o viajante a parar quando estiver cansado.

O percurso pode ser feito em seis dias, pedalando-se cerca de 50 km por trecho.

Estrada dos Romeiros – SP

Muitos ciclistas consideram que a estrada dos Romeiros, em Cabreúva, é o mais completo lugar para pedalar em São Paulo ou na região.

São 65,5 quilômetros com desnível acumulado de aproximadamente 1200 metros. As poucas retas longas surgem mais nos primeiros e últimos 20 quilômetros. No resto, é subida e descida o tempo inteiro. Por isso, é preciso ter um preparo físico adequado. Treine primeiro, em rotas mais curtas. E só depois que estiver acostumado a pedalar por algumas horas sem sentir um cansaço grande, vá para a estrada dos Romeiros.

A estrada dos Romeiros é de pista simples e não possui acostamento, o que exige cuidado redobrado. Porém, o fluxo de carros não é intenso.

Circuito Vale Europeu – SC

Hoje apresentaremos mais um lugar incrível para fazer o seu pedal e dessa vez o local escolhido fica aqui em Santa Catarina.

O Circuito Europeu. São mais de 300 km de estradas de terra, super tranquilas que formam o primeiro roteiro brasileiro exclusivamente planejado para o cicloturismo.

É um cenário incrível que passa por pequenos vilarejos, construídos por imigrantes europeus no final do século 19, com lindas paisagens.

O circuito inteiro pode ser percorrido em até 7 dias.

Leve disposição e convide seu grupo. Será um passeio inesquecível.

Serra da Canastra – MG

Melhor do que pedalar, é pedalar em locais que possuem vistas e trilhas de tirar o fôlego.

Hoje falaremos de um dos lugares mais incríveis do Brasil para se pedalar, a Serra da Canastra.

O Parque Nacional da Serra da Canastra é composto por dezenas de reservas ecológicas particulares. É uma região com pequenas estradas de terra rodeado por cachoeiras e belíssimos mirantes.

Para quem quer uma aventura ainda mais incrível, o local possui muitos campings que ficam próximos a piscinas de água termal e quente. A região é próxima à capital Belo Horizonte e é um ótimo destino para quem quer estar perto da natureza em um clima muito agradável.